18 de fevereiro de 2009

Cadê o bom senso?

Podem me chamar de moralista, mas onde já se viu elaborar uma propaganda (bem feita, diga-se a verdade!) apelando totalmente para o bacanal?

Tudo bem que trata-se da propaganda de uma marca de camisinha, mas e daí? Até que ponto é saudável a exposição sem limite do sexo? Será que o comunicador está pensando realmente no seu público alvo?

Será que houve uma pesquisa de marketing para saber se é isso que o potencial consumidor quer assistir? Ou melhor, será que existe um planejamento de marketing para este tipo de abordagem publicitária?

Como comunicador social, eu não concordo com esse tipo de apelação propagandística, em que o foco é “vamos ser diferentes”, “vamos inovar”, “vamos impactar”! Realmente, se a intenção era impactar, assustar, chamar atenção... conseguiu! Agora se o retorno esperado será alcançado... daí já desconfio!

Desconheço quais os veículos que seriam utilizados para este tipo de propaganda. Certamente serão exclusivos para o público adulto. Porém, eu recebi este vídeo – por incrível que pareça! – por um e-mail do trabalho! Falta senso de quem envia, falta senso de quem produz e talvez falte senso meu, em republicar isso aqui. Mas aqui, vê quem quiser!

Esta é a versão "brasileira"...

video

mas a original está aqui

Nenhum comentário: